Casamento e Depressão

“A depressão tem sido definida como “o mal do século”. Existem várias causas que podem fazer com que alguém passe a ter depressão, entre elas: traumas na infância, constante angústia por algo que atormenta, falta de um repouso apropriado, excesso de trabalho sem que haja uma atividade física e até causas orgânicas.” 

“Sempre fui uma pessoa sentimental e um pouco amarga. Mas de uns tempos para cá me tornei uma pessoa chata, mal-humorada, rancorosa e muito triste. Perdi a alegria e o entusiasmo pela vida. Por mais que tento, não consigo deixar de reviver tudo de ruim que aconteceu comigo e sofrer novamente toda a dor passada. No último ano meu casamento passou por uma crise terrível, cheguei a pensar que era o fim. Não consigo me conter e vivo culpando-o por todos os meus problemas. Desesperada, com medo de tudo, procurei uma psicóloga e depois de uma longa conversa ela me encaminhou para um psiquiatra. Relutei um pouco, mas diante do caos que está a minha vida não tive outra saída. Após o diagnóstico estou tomando antidepressivos há uma semana. Será que estou no caminho certo? Será que preciso mesmo tomar remédio? Estou confusa e com medo.”

Sim, você fez muito bem em procurar ajuda profissional especializada. Sugerimos que você siga as orientações médicas e não se constranja se achar que precisa de uma segunda opinião médica. Recomendamos fortemente a leitura do livro “Simples Demais – um modelo bíblico para a cura da mente”, escrito pelo médico psiquiatra cristão Timothy R. Jennings e publicado pela Casa Publicadora Brasileira. O livro pode ser encontrado no site: www.cpb.com.br. Abaixo seguem algumas considerações feitas pelo conselheiro bíblico Leandro Quadros:

Como Curar a Depressão

Esta doença tem sido definida como “o mal do século”. Milhares de pessoas em todo o mundo sofrem de depressão em maior ou menor grau. Além da agitação de nosso mundo de hoje (o dia-a-dia) existem várias causas que podem fazer com que alguém passe a ter depressão, entre elas: Trauma (s) na infância, constante angústia por algo que o atormenta na vida, falta de um repouso apropriado (excesso de trabalho, sem que haja uma atividade física contribui para o surgimento do estresse), o sofrimento pela perda de algum parente e até por causas orgânicas.

É necessário descobrir a causa para fazer o tratamento. No seu caso, você já consultou um profissional qualificado para isto (psicólogo ou psiquiatra). Para curar esta doença, a pessoa precisa de um tratamento psicológico (em muitos casos) e espiritual. O ser humano é um todo, e para estar bem precisa haver saúde em quatro principais áreas: Física, mental, espiritual e social.

Portanto, para obter a cura, precisa investir nestas quatro áreas. Não irá adiantar muito se você dedicar-se apenas em resolver o problema psicológico se não resolver o espiritual, social, mental e físico. Recomendo que você faça um tratamento em todas estas áreas. Como? Vejamos:

Primeiramente quero aconselhá-la a continuar fazendo o tratamento com seu médico, e jamais tome remédios sem o consentimento dele. Siga à risca todas as orientações dadas. Caso seu médico queira colocar ideias em sua mente “contra os princípios religiosos de Deus”, procure outro. Todo verdadeiro médico irá direcionar seus pacientes a Deus, e não “contra” Ele.

Como tratar a área Física – Realize exercícios e escolha um esporte que lhe proporcione prazer em praticá-lo. Para pessoa que tem depressão, as caminhadas ao ar livre de trinta minutos por dia (pode começar com menos tempo, fazendo três vezes por semana) são excelentes. O ideal é fazer todos os dias! Tenha uma vida recreativa; não a centralize apenas em uma área. Lembre-se de que a vida não é apenas ir à igreja (é importantíssimo), mas também passear, divertir-se (com coisas que não entrem em confronto com os princípios bíblicos).

Como tratar a área mental – Fundamental para a cura da depressão – e para evitar que a mesma volte – é a educação da mente. A mesma deve ser exercitada a fim de acostumar a pensar em coisas boas. Filipenses 4:8 contém um princípio fundamental a ser seguido por todo aquele que sofre de depressão. É ensinado que quando surgir maus pensamentos, do tipo: ira, tristeza, lamúria, auto-compaixão, etc… Os mesmos devem ser cortados na hora e substituídos por pensamentos bons. (confira o texto em sua Bíblia).

Haja de forma correta diante dos problemas; não se desespere, pois isto pode ser falta de fé. Tenha momentos de leitura. Leia somente coisas que não a deixem nervosa. Descanse sua mente através de boas horas de sono; durma no mínimo oito horas por noite. Contemple a natureza e veja nela o amor e sabedoria de Deus; saiba que cada flor bela foi feita especialmente para você. Demorar-se nas cenas da natureza é um ótimo remédio contra a depressão.

Também é importante salientar que a depressão pode não ser por algum problema psicológico ou de nervosismo excessivo, mas por problemas químicos. Segundo especialistas, em alguns casos de depressão, a causa é um desequilíbrio químico no cérebro. Existe uma substância chamada Serotonina que, quando não está em dose normal, pode causar depressão. Para solucionar isto, normalmente os médicos recomendam o uso uma substância via oral que regulariza. Isto pode passar de pais para filhos (alguns podem ter este problema devido a herança genética).

Outra causa da depressão poder ser o desentendimento com alguém, a falta de um espírito perdoador. É possível considerar que uma das causas de depressão são as mágoas e ressentimentos que se guarda do passado. Certa vez uma pessoa telefonou para mim dizendo que sofria há muitos anos de depressão, e que já tinha tomado mais de cem caixas de antidepressivos, mas sem sucesso. Após sessões de aconselhamento, descobri que ela tinha um desentendimento com a mãe desde a infância, e que isto era a principal causa de sua depressão. Orientei a ela que conversasse com sua mãe, desabafasse com ela sobre tudo o que gostaria que ela tivesse feito (dado mais carinho, atenção, etc) e que fosse a Jesus Cristo em oração. Ela o fez. Após fazer isto, telefonou-me dizendo que estava totalmente curada da depressão e que não mais estava precisando tomar antidepressivos (seu médico constatou isto).

Pode estar com depressão devido a um simples fator; por isto, torna-se fundamental que procure a ajuda de um profissional para descobrir a causa de sua depressão (existem muitas). No caso da pessoa que mencionei, seu psiquiatra não tinha descoberto a principal razão de seu problema; caso isto aconteça, procure outro médico. Todos somos seres humanos e corremos o risco de errar.

Não esqueça que uma das causas da depressão pode ser a “falta de confiança em Deus e em seu poder”. A falta de Deus nos torna doentes, pois Ele é a fonte de toda a nossa saúde e felicidade. Exerça fé nele e ore. É comprovado que as pessoas que oram vivem mais e são mais saudáveis.

Como tratar a área social – Precisa se relacionar com as pessoas. Converse com amigos, mas principalmente com aqueles que não são “negativos”. Vá à encontros de amigos (amigos que tenham princípios), alguma festa de aniversário, faça cursos, e frequente a Igreja.

A meu ver, uma das melhores igrejas a serem frequentadas por uma pessoa que sofre de depressão é a Igreja Adventista do 7o Dia. Isto porque nesta denominação não há “gritos” e outras manifestações exageradas que produzem ansiedade. O tipo de culto de certas igrejas deixa a pessoa muito nervosa e faz com que a cura da depressão fique mais difícil. Na Igreja Adventista não existe este tipo de coisa, tornando-a assim um ambiente pacífico, “calmo” e agradável para qualquer pessoa que tem depressão. Todos que sofrem desse mal devem procurar lugares que sejam calmos e tranquilos.

E se tenho baixa auto-estima? 

Para superar o medo e a falta de auto-estima, um bom remédio é ajudar as pessoas necessitadas. Ao fazermos isto, começa a crescer dentro de nós um senso de valor, de auto-estima. Quanto mais conversarmos, mais desinibidos ficaremos. Distribua folhetos, dê estudos bíblicos a/com alguém, visite, participe de atividades da Igreja (que você se identifique); tenha certeza que Deus estará ao seu lado, ajudando você a vencer seu problema.

Lembre-se: “Tudo você pode naquele que te fortalece” (Filipenses 4:13, adaptado). Através de Jesus, você pode vencer qualquer timidez ou insegurança. Você é tão valiosa para Deus que um dia Ele se fez carne e morreu em uma cruz para que você tenha a vida eterna (João 3:16).

Como tratar a área espiritual

♦Vá à uma Igreja (calma) para louvar e aprender de Deus. O louvor (cânticos religiosos) aliado a um espírito de gratidão a Deus pelas coisas que temos faz bem à saúde mental: “Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” (1 Tessalonicenses 5:18).

♦ Leia a Bíblia – (João 5:39). Reflita nas promessas de Deus para você contidas nos salmos e em toda a Palavra de Deus;

♦ Ore – “A oração é um ato de abrir o coração a Deus como ao um amigo” (Ellen G. White). Abra seu coração a Deus e desabafe com ele tudo o que se passou com você durante o dia.

Não tenha vergonha de expor ao Criador tudo o que você pensa e deseja. Ele é teu Pai Celestial, e está disposto a ouvir-lhe, pois a ama. Tenha certeza de que Deus é longânimo com você, e irá ouvir-lhe com todo o carinho. Faça o propósito de orar no mínimo três vezes por dia, como orienta a Bíblia (Salmo 55:17; Daniel 6:10; Lucas 6:12; Etc.).

Com a oração, sua vida irá mudar!

Conte a Jesus seus sonhos e desejos, pedindo-lhe que guie sua vida da melhor maneira possível. Deponha perante ele tudo que sente: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o me jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve” (Mateus 11:28-30).

Caso ainda não o tenha feito, aceite a Jesus como seu Salvador. Creia no sacrifício que Ele fez por nós na cruz. Vá a Jesus do jeito que está e a paz que tanto deseja renascerá em sua vida. Abaixo estão alguns textos bíblicos para sua reflexão:

♦ “Busquei o SENHOR, e ele me acolheu; livrou-me de todos os meus temores” (Salmos 34:4).

♦ “Oh! Provai e vede que o SENHOR é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia” (Salmos 34:8).

Fonte: Biblia.com.br